quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Al Mahara, Hotel Burj Al Arab | Dubai

No do chefe ao chef temos partilhado as nossas experiências pelos restaurantes deste país, e essencialmente de Lisboa por razões geográficas, porém nada nos inibe de publicarmos as nossas experiências no estrangeiro. Cada um dos bloggers do do chefe ao chef já teve a oportunidade de ter experiências gastronómicas muito interessantes no estrangeiro, até ao momento não as partilhámos por dois motivos: mero acaso e mero acaso. Há bons restaurantes no estrangeiro? Claro que sim. Há algum motivo para não as publicarmos? Até ao momento não. Sabemos que para quem nos segue, provavelmente é mais difícil ir a um restaurante no Brasil, Índia, ou até Espanha, do que em Lisboa, ou no Alentejo, mas o que vale para nós é a partilha de uma experiência (boa ou má). Além de que o conhecimento não tem limites...

Posto isto, ironicamente, a primeira experiência beyond borders que partilhamos não foi vivida por nenhum de nós. Um casal amigo foi ao Dubai e assim que regressaram e nos contaram a experiência única que viveram num restaurante excepcionalmente diferente, escreveram, a nosso pedido, o texto que segue.

Desde já, o do chefe ao chef agradece à p. e ao l. a disponibilidade, interesse e qualidade deste post.

"Sendo o Dubai um destino só por si, significando luxo, exuberância, e riqueza, não poderíamos deixar de visitar o único hotel de 7 estrelas no mundo no qual se encontra o tão peculiar restaurante “subaquático”, Al Mahara. 


O lobby do hotel, deixava já antever a magnífica experiência que poderíamos vir a ter. Tudo o que se fala deste hotel, acreditem, não é exagero!

Subimos ao primeiro andar e na recepção do restaurante, demos o número da nossa reserva (indispensável para entrada no perímetro do hotel), e fomos encaminhados para um elevador, descendo como se estivemos a entrar num submarino.